Blog do Galeno Observatório do Livro e da Leitura

22 de setembro de 2017

A menina e os livros

Galeno Amorim

Stéfani quer ser médica. Gosta de ciências biológicas e de tudo que se relaciona ao tema. O pai trabalha como vigilante e a mãe em um pet shop. Ela ainda tem 13 anos, cursa a 7ª série do Ensino Fundamental, mas já está cheia de planos para o futuro. A menina passa o dia todo na escola – a Amélia Santos Musa, no Ipiranga –, mas sempre arruma uma brecha no intervalo entre as aulas para fazer uma das coisas que mais gosta na vida: ler. Além de gostoso, ela diz, é assim que vai conseguir, aos poucos, chegar cada vez mais perto do seu sonho. — Quando leio, fico imagino coisas... – ela confessa, candidamente. Stéfani Cristina é uma leitora voraz. Lê de tudo. Mas o que curte mesmo são os livros de não-ficção, e mais ainda os de ciências. Prefere a realidade, explica. No ano passado, a menina leu nada menos do que 30 livros (a média nacional é de 4,7 livros lidos por habitante/ano, e quase o dobro disso entre os estudantes). Acabou, com isso, faturando o prêmio de maior leitora da Biblioteca Machado de Assis, no Jardim Heitor Rigon, bairro da periferia de Ribeirão. A Biblioteca Machado de Assis é uma das duas do bairro. Funciona dentro da Escola Paulo Freire e atende tanto os alunos quanto os moradores do entorno. Cobra uma taxa de inscrição simbólica de R$ 1,00 e pode tirar livros à vontade. Essa é uma das razões pelas quais seu acervo não pára de crescer: dos 3 mil iniciais, hoje já são 12.000, a maioria de doações da comunidade. Ela empresta mais de mil livros todo mês e os romances são os que fazem mais sucesso por lá. Mas a direção da escola não deixa a peteca cair: está sempre inventando concursos e outras ações para estimular as pessoas lerem mais. Uma das 80 bibliotecas abertas na cidade no início da década, a Biblioteca Machado de Assis tem só uma estagiária. E dá show de bola.

Mais Crônicas

Todas as notícias sobre "Crônicas"

Receba por e-mail


Cadastre-se!

Livrômetro

Relógio da leitura no Brasil

570.240.000

Livros lidos em 264 dias de 2017 no país