Blog do Galeno Observatório do Livro e da Leitura

16 de outubro de 2018

Paixão pela literatura ajuda professor a realizar sonho

G1 - 06/08/13

Professor Charles Simões

A paixão pela literatura, que começou na infância, ajudou um professor de uma escola da rede municipal de São Luís a realizar o sonho de ser escritor. E uma de suas obras foi premiada no Festival de Contos do Rio de Janeiro, um feito que serve de inspiração para seus alunos.

Charles Simões cresceu com as histórias na cabeça, mas para colocá-las no papel não foi fácil. A vontade de ser escritor o acompanha desde a infância na cidade de Primeira Cruz, na região dos Lençóis Maranhenses. Cercado de natureza, o menino estava rodeado também de inspirações. Mas só quando veio morar em São Luís pôde enfim, escrever suas histórias e traçar um futuro na literatura.

“Sempre digo que todos os sonhos que sonhei, eu realizei. E um desses foi o sonho de escrever”, afirmou o professor.

Primeiro veio a poesia, mas Charles foi mesmo seduzido pelo conto. A mudança veio no mês de julho quando Charles Simões foi eleito o melhor contista do primeiro festival de contos do Rio de Janeiro realizado na cidade de Cabo Frio.

O maranhense concorreu com cerca de 600 escritores do país, Portugal, Angola, Moçambique e Cabo Verde. “Foi uma satisfação que não tem dinheiro que pague”, disse. Ele foi premiado com o conto ‘O quarto centenário’. Na obra ‘São Luís’ é uma senhora que teve uma vida de glórias, mas vive momentos difíceis.

Charles ensina em escolas públicas e faculdades e divide com os alunos as histórias e a certeza de que é possível mudar a realidade com os livros. “Eu sei que ele está muito orgulhoso, mas nós estamos mais ainda. Por termos um professor de tamanha competência e maranhense”, disse o aluno Raimundo Barbosa.

Mais Histórias de gente que lê

Todas as notícias sobre "Histórias de gente que lê"

Receba por e-mail


Cadastre-se!

Livrômetro

Relógio da leitura no Brasil

622.080.000

Livros lidos em 288 dias de 2018 no país

Publicidade