Blog do Galeno Observatório do Livro e da Leitura

25 de setembro de 2017

"Para Gostar de Ler": filme reforça importância dos livros na primeira infância

Divugação

Quando pensamos em mudar o mundo para melhor, um passo importante deveria ser ainda mais valorizado nessa jornada: a educação infantil. E um dos pontos fundamentais da discussão envolve a leitura para as crianças, incluindo o papel dos adultos como leitores e o impacto das histórias no desenvolvimento infantil. É o que conta o documentário “Para Gostar de Ler”, produzido pelo Itaú em parceria com a Prodigo Films, e co-produzido pela DPZ&T. O documentário está disponível nos canais digitais oficiais do Itaú.

Com direção de Eduardo Rajabally, “Para Gostar de Ler” acompanha cinco famílias de diferentes regiões do país e ilustra como a leitura influencia as vidas de pais e filhos, com destaque para os pontos de vista das próprias estrelas mirins do documentário. Em paralelo, os adultos comentam sobre o quanto os livros podem estimular as crianças em relação ao desenvolvimento da imaginação, a criatividade e o raciocínio. Há espaço ainda para demonstrar como as histórias e o poder da palavra são capazes de incentivar suas visões a respeito do mundo, com base na compreensão de que existem bons e maus momentos que levam à busca por soluções ou caminhos possíveis para diversas situações. Além da percepção sobre a importância da família, dos amigos, das brincadeiras e da cultura no dia a dia.

Como a leitura pode fazer a diferença nas vidas das crianças brasileiras, levando-se em consideração que estas vivem em um país no qual 60% de seus cidadãos nunca contaram com nenhum adulto lendo para eles durante sua infância? “Para Gostar de Ler” não teria como responder a essa pergunta, e retratar um cenário tão abrangente, deixando de fora opiniões e insights de renomados especialistas.

Para isso, conta com participações de profissionais de diversas áreas, entre escritores, médicos, educadores, pedagogos, professores, neurocientistas, psicólogos. Ilan Brenman, Drauzio Varella, Leandro Karnal, Eva Furnari, Wellington Nogueira, entre outros, intercalam e complementam experiências reais narradas pelas famílias que protagonizam a produção, enfatizando como os livros representam uma alternativa para melhorar a relação entre pais e filhos. E, também, como podem estimular o aprendizado e a formação das crianças, uma vez que 85% do desenvolvimento cerebral de um ser humano acontece antes dele completar cinco anos de idade.

“Para Gostar de Ler” faz parte do Programa Itaú Criança, que a marca promove desde 2010, incentivando a transformação da sociedade a partir da leitura para crianças. Por meio dessa iniciativa o banco já distribuiu gratuitamente mais de 45 milhões de livros para todas as regiões do País.

“Estamos na sexta edição da campanha do Leia para uma Criança, que integra o Itaú Criança. Em 2017, procuramos trazer um conteúdo diferente, com argumentos e dados científicos a respeito da leitura para crianças na primeira infância e seus benefícios”, informa Eduardo Tracanella, superintendente de marketing do Itaú Unibanco. “‘Para Gostar de Ler’ representa esse nosso objetivo, assim como nosso apoio a causa da Educação”, completa.

“Quando levamos para o Itaú a ideia de produzir um documentário, queríamos retratar o impacto decisivo que as histórias têm no desenvolvimento infantil e mostrar como o momento da leitura fortalece o vínculo entre adultos e crianças. Para isso, o filme combina depoimentos de especialistas com histórias reais de famílias brasileiras que contam como a leitura para crianças faz parte de suas vidas”, comenta Rafael Urenha, Chief Creative Officer da DPZ&T.

“A leitura na primeira infância não é só vital como também a mais mágica de todas. Somos produtores audiovisuais e contadores de histórias e temos a obrigação e o prazer de promover a leitura sempre. Não apenas para as crianças, mas para todos", diz Francesco Civita, produtor do filme e sócio da Prodigo Films.
?
Este é o segundo documentário produzido pelo Itaú com foco no conteúdo ligado às causas apoiadas pelo banco, que são Educação, Cultura, Esporte e Mobilidade Urbana. O primeiro foi "Ciclos", lançado em janeiro de 2017, que aborda a bicicleta como modal de transporte ativo nas grandes cidades.

Realidades
O cenário de vulnerabilidade social é um dos temas abordados no documentário. É o caso da família de Teliciane, mãe de Enzo, Guilherme, Rafaela e Victor, com idades entre 3 e 12 anos e moradores de Alvorada (RS). Teliciane, que é doméstica, conta como passou a sentir prazer pela leitura e a comprar livros para seus filhos, incentivando-os a estudar. O documentário também cita a experiência de Luciana, de Belo Horizonte (MG), que recorreu à leitura para explicar a sua filha Beatriz, de 5 anos, sobre suas origens e o que significa adoção.

Em outra história, a literatura colaborou para melhorar a relação entre Martina e seu irmão Vicente, de 4 e 3 anos, respectivamente, e moradores de Porto Alegre (RS). Já o caso de Pietra, de Salvador (BA), e Lourenço, de São Paulo (SP), ambos de 5 anos, apresentam pontos em comum – ela gosta de unicórnios, enquanto o menino se interessa por zumbis, mas os pais das duas crianças acreditam ser importante manter a imaginação viva e que a leitura proporciona momentos únicos de magia. “Para Gostar de Ler” também mostra a história da professora Nanci Soueid, que desde pequena se tornou leitora por incentivo de sua avó, que lia para ela, por exemplo, a Bíblia e as cartas do pai.

O documentário destaca ainda a importância da inclusão e apresenta depoimentos de diversas crianças, entre elas o garoto Matheus, de 8 anos, que é deficiente visual.


Serviço
Título: Para Gostar de Ler (Brasil, 2017, 59 minutos)
Onde assistir: itau.com.br/paragostardeler

Produção: Prodigo Films
Apresentação: Itaú
Criação: Francesco Civita
Direção: Eduardo Rajabally
Produzido por Francesco Civita e Beto Gauss
Co-produção: Eduardo Tracanella e Thiago Cesar da Silva
Co-produção: Itaú
Produtor associado: DPZ&T
Direção de Conteúdo: Giuliano Cedroni
Roteiro: Morris Kachani e Stela Grisotti
Direção de Fotografia: Janice d’Avila
Montagem: Veri Ravezza
Coordenadora de Produção: Renata Grynzspan
Coordenação de Pós-produção: Maria Luiza Tuutu Mesquita
Direção Musical: Diogo Poças

Mais Destaques

Todas as notícias sobre "Destaques"

Receba por e-mail


Cadastre-se!

Livrômetro

Relógio da leitura no Brasil

576.720.000

Livros lidos em 267 dias de 2017 no país