Blog do Galeno Observatório do Livro e da Leitura

18 de dezembro de 2017

Ana Dantas participa de Encontro Literário Sentimentos Elegantes em SP

A autora Ana Dantas abrirá o seu coração e externará sua alma no próximo dia 8 de outubro. Comemorando o mês do Dia das Crianças, a escritora e roteirista Ana Dantas baterá um papo informal para o público do “Encontro Literário Sentimentos Elegantes” no próximo dia 8 de outubro no CEDEPP – Centro de Desenvolvimento Profissional e Pessoal – a partir das 14h. A autora tem sete livros publicados, dentre os infantojuvenis estão “Deixando para trás”, “A adoção de Júlia” e a trilogia da Gata Bia: “Se Bia falasse...”, “Se Bia pudesse protestar...” e “Se Bia fosse...”. Em Los Angeles, ela
2 roteirizou e dirigiu o curta-metragem “Red Shoes”. De volta ao Brasil, criou e escreveu o telefilme “Caju com Pizza” para a TV Cultura.

O Encontro Literário Sentimentos Elegantes é gratuito. No dia, os participantes do batepapo podem adquirir alguns dos títulos de livros da autora, e, também podem levar livros usados para emprestar ou doar. Nesses encontros, os organizadores também fazem troca de livros. O CEDEPP fica na Rua Padre Serrão, 196 – Ipiranga – São Paulo – SP. Para maiores informações: (11) 2061-8691.

Novidades por segundo

A escritora está buscando uma editora para lançar seu próximo livro infantojuvenil que aborda a efervescência dos musicais. “Musicais estão em alta no Brasil. São Paulo já se tornou referência deste tipo de apresentação e muita gente vem de outros estados para passar finais de semana na cidade, bem como curtir um bom espetáculo e uma comida de qualidade”, diz. Fio d’água é o título do texto que foi escolhido por internautas através de suas redes sociais.

Presenteando com inteligência

No mês de outubro, a autora está com o projeto intitulado “Presenteie a criança com inteligência” que provoca os pais, tios e avós a oferecerem um livro de presente para uma criança no Dia das Crianças. Além disso, ela convida as escolas, centros culturais e bibliotecas a presentear seu público com inteligência. “Não podemos achar que a criança de hoje é tola ou inocente a ponto de acreditar que ela só aprende se tiver prestando atenção em algo. Ela é bombardeada diariamente pela mídia, internet e outros veículos com os mais diversos assuntos e mesmo que ela não demonstre certo interesse sobre tal assunto, uma hora ou outra esse confronto é inevitável. Precisamos provocá-la a pensar com seus próprios neurônios, construindo seus pensamentos e identidades próprias. Além de tudo, essa nova geração parece-me que já nasce com chip. O didatismo a gente deixa para os professores, a arte precisa motivá-las com perspicácia, pimenta e lucidez”, ressalta Ana Dantas.

Mais Circuito de Feiras e Festivais de Literatura

Todas as notícias sobre "Circuito de Feiras e Festivais de Literatura"

Receba por e-mail


Cadastre-se!

Livrômetro

Relógio da leitura no Brasil

758.160.000

Livros lidos em 351 dias de 2017 no país